Novo secretário de mobilidade em São Paulo

Alguns membros do Cidadeapé participam como representantes na Câmara Temática de Mobilidade a Pé. Nessa sexta-feira, dia 21, eles sugeriram para que o novo secretário de mobilidade de São Paulo, Levi Oliveira, fosse à reunião para conversar sobre a mobilidade a pé.

Na conversa, foi apresentada uma visão geral da importância da mobilidade a pé na cidade e algumas sugestões para o novo secretário:

  1. Por que a mobilidade a pé deveria ganhar prioridade na gestão da mobilidade:
    • Andar a pé é o modo mais usado de deslocamento na cidade;
    • Andar a pé é a base para a intermodalidade;
    • Andar a pé é essencial para adquirir o direito à cidade;
    • Quem anda a pé está em situação de fragilidade em relação a todos os modais;
    • Melhorar a caminhabilidade é um modo de reduzir desigualdades da cidade, uma das pautas principais na campanha de reeleição do prefeito .
  1. Sugestões de ação para melhorar a gestão da caminhabilidade em São Paulo:
    • Adotar o ponto de vista do pedestre e usar os conselhos (CMTT, Conselho Participativo) para a melhoria da rede de mobilidade;
    • Aumentar os investimentos na melhoria da infra estrutura de caminhabilidade;
    • Reforçar o cumprimento das leis e programas existentes – Estatuto do Pedestre, PlanMob, Decreto de Calçadas, Programa de Segurança Viária (inclusive com revisão de velocidades principalmente no miolo dos bairros);
    • Aumentar a velocidade de testes e implantação de programas de acalmamento de tráfego e aumento de calçadas em rotas de pedestres (hospitais, estações, escolas, etc);
    • Estudar a criação de uma área específica na SMT que centralize as ações relativas à mobilidade a pé.

O Secretário se comprometeu a estudar as sugestões e defendeu a importância de se ouvir os conselhos e os envolvidos nas decisões da prefeitura. Enfatizou que “somos todos pedestres” e estimulou sua equipe a buscar interlocução com outras áreas da prefeitura para programas intersecretariais (como o da implantação de ruas calmas, por exemplo).

Foi uma boa primeira aproximação com um novo secretário de mobilidade. São Paulo teve quatro secretários de mobilidade na gestão passada e isso faz com que várias iniciativas demorassem a ser retomadas a cada troca. Esperamos que possamos contar com uma gestão mais comprometida com a caminhabilidade, que pense a longo prazo e que execute boas ideias com mais velocidade” – avaliou Mauro Calliari, membro do Cidadeapé e integrante da CTMP sobre a reunião.

Publicado em: CTMP | Marcado como:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.